Home » » Marília Xadrez Clube

Marília Xadrez Clube

Postado Por Vanessa Benko em 4 de abril de 2012 | 17:03


Aconteceu em março em São José do Rio Preto o Aberto do Brasil, em comemoração ao 160º Aniversario da cidade. Até agora foi um dos torneios mais forte do ano, onde 2 GMs, 3 MIs, 7 MFs e 1 CM participaram. Ao todo foram 69 participantes. 

Mas a honra de ser campeão ficou para Tiago Pereira Rodrigues, mariliense nato de 23 anos. Somando cinco vitórias e uma derrota em 6 partidas (total 5 pontos), Tiago dividiu o 1º lugar com outros 4 enxadristas. Mas foi no critério desempate (nº de vitórias) que Tiago desbancou os 2 GM´s do torneio, que tiveram 4 vitórias e 2 empates. 

Muita polêmica em torno do critério, sobretudo porque Tiago era apenas a 19ª força. Mas para quem pode acompanhar o torneio percebeu que suas duas últimas vitórias (sobre o FM Leomar Borges e o MI Martin Crosa) foram decisivas para a conquista, consagrando, após tanto tempo, um campeão mariliense num torneio de xadrez de alto nível. 

Nos tempos áureos do xadrez mariliense, o enxadrista nascido em Marília, Olício Gadia, a exatos 50 anos atrás conquistava o seu bi-campeonato brasileiro de xadrez. Desta vez foi Tiago que representou Marília,  demonstrando que a cidade pode um dia voltar a ter um campeão nacional. 

Crítica 
Com a falta de incentivo do poder público, o Marília Xadrez Clube tem passado por dificuldades. Em 2011 foi cortado o projeto Xadrez nas Escolas, suspendendo a subvenção recebida. 

Atualmente contam apenas com um recurso mínimo destinado da Secretaria de Esporte, com o apoio do secretário Deybson Biondo. É possível manter apenas um profissional, o qual acumula as funções de técnico e professor de xadrez na cidade. Tal profissional tem ajudado no Pós-Projeto Agente Jovem de Cultura, que formou a 1ª equipe masculina e feminina de xadrez 100% mariliense. 

Nos três últimos Jogos Regionais, Marília conquistou três medalhas de ouro: em 2009 com a equipe masculina absoluta e em 2010 e 2011 com a equipe sub21. Mesmo com estas conquistas e méritos, o projeto não foi mantido e o Marília Xadrez Clube teve que se mudar da sua sede na Av. Santo Antonio para o Centro Comunitário Costa e Silva, que atualmente se encontra inutilizado por conta de um brechó realizado pela UBM (União Brasileira de Mulheres), tornando o local um deposito de roupas. 

Em 2011 conseguiram a concessão do Poliesportivo do Continental, porém como estava praticamente abandonado, ainda não conseguiram revitalizá-lo para uso, já que pretende-se realizar um projeto de logo prazo para atender a população local em parceria com outras entidades.

Mesmo com toda a dificuldade o Marília Xadrez Clube tem mantido os eventos enxadrísticos: em 2011 realizou-se três fortes torneios regionais e em 2012 realizou-se um curso nacional de organização e arbitragem de xadrez. Este último evento inclusive contou com a presença do AI Mauro Amaral para ministrar o curso, e teve a participação de pessoas de 8 cidades, sendo que 4 atletas do Marília Xadrez Clube foram aprovados, tornando-se Árbitros Oficias da CBX.

Frente a isso o Marília Xadrez Clube busca novos parceiros e empresas que queiram contribuir. Quem se interessar, entre em contato com o Presidente Leandro Custódio através do telefone (14) 8201-1065. 


Para Saber Mais: 

Informações encaminhadas por Leandro Custódio, com edição de texto de Vanessa Benko
Compartilhe este artigo :

Postar um comentário