Home » » Minha História no Xadrez: Diego Almeida

Minha História no Xadrez: Diego Almeida

Postado Por Paulo Henrique de Faria em 5 de janeiro de 2012 | 22:00

Olá, meu nome é Diego Almeida, e conheci o xadrez há 5 anos quando eu estudava no ensino médio com o Antoniel Lima que era e é o número 1 no rating daqui. Vi ele ganhar uns torneios e ficar conhecido na escola daí fiz amizade com ele pra que me ensinasse a jogar xadrez. Pronto, desde lá nós somos os responsáveis em manter o Clube de Xadrez daqui e  que aliás no último torneio feito em nossa cidade ficamos empatados com 4 pontos de 5 possíveis, mas nos critérios de desempate ele levou a melhor, ele. ficou como o atual campeão e eu o vice. Todos aqui dizem que somos grandes rivais nos tabuleiros.
Das pessoas que apóiam o xadrez por aqui temos o Presidente "Luiz Antônio conhecido como lulu, Jéssica Mara tricampeã cearense escolar que já participou de um brasileiro e tem grande destaque no Ceará sendo que foi eu quem a ensinou a jogar há uns 4 anos e também o Antônio Jonas um dos melhores no rating daqui. Gostaria de lembrar de nosso amigo mais doido, Wellington dos Santos que joga em cima do carro no vídeo .Ele é aquele amigo louco que todo mundo tem . Estuda xadrez como ninguém e comete cada erro, mas é gente boa e tem muita teoria na cabeça .
Nossa sede é numa escola no centro da cidade e nos reunimos semanalmente para resolver problemas ou jogar partidas rápidas, enquanto os mais novos aprendem algo novo.







Sou Monitor do “Projeto mais Educação” e viciado no jogo de xadrez, alguém que faz de tudo pela divulgação do xadrez no Ceará, mais precisamente em Canindé, sou também Vice Presidente do CXC (Clube de Xadrez de Canindé)“tendo no comando Luiz Antonio Barreto o Presidente’’ que juntamente com o Antoniel Lima Almeida editam o blog da cidade http://clubexadrezcaninde.blogspot.com/ agora ambos estamos numa de ‘’chesscrazy’’ de jogar xadrez em vários lugares que na teoria ninguém iria pensar em jogar já fizemos cinco vídeos, na piscina, caverna, roda gigante de um parque de diversão e ate em cima de um carro e na pista de skate. Gostaríamos que a matéria fosse tipo "divulgação do xadrez pelo brasil" e lançada no Brasil assim: conheci no nordeste mais precisamente em Canindé no Ceará um grupo que realmente gosta do xadrez , etc. Sonhamos em dar resultado.
XADREZ de fato é um jogo, mas com beneficios incríveis para formar um otimo cidadão ..sei que posso estar errado mas acho que professores não necessariamente devem "criar" equipes para serem a melhor e tal, sei que vencer é bom, claro, todos querem, mas sou a favor de que na escola de cada 50 alunos, pelo menos uns 40 saibam jogar e tenham uma boa noção de jogo, do que modelos de escolas com mais de 500 alunos e só 10 saberem e dois serem campeões, pois isso seria algo bom apenas para aquele pequeno grupo, não custa nada ter incentivos de Prefeituras ou de pessoas assim como eu que estão dispostas a ensinar e mostrar o que o xadrez tem de bom para oferecer e expandir a modalidade e o acesso das pessoas. Isso seria de mais proveito.


Diego, obrigado por ter-nos enviado um pouco de sua história, desejamos muito sucesso a seu trabalho e de seus amigos e pelo pouco que pudemos acompanhar acredito que estão caminhando bem, fazendo planos e trabalhando arduamente, um grande parabéns a iniciativa do Chess Crazy e a vocês!




Acesse e acompanhe um pouco mais do trabalho desse pessoal:
Fica aberto o espaço a todos que quiserem falar de si, mande-nos uma foto e as informações que teremos o maior prazer em publicar as experiências de cada um.

E você leitor, o que tem para compartilhar? É só enviar sua história para contato@xadrezbatatais.com !

http://www.xadrezbatatais.com/p/minha-historia-no-xadrez-conte-nos-sua.html
Compartilhe este artigo :

+ comentários + 2 comentários

6 de janeiro de 2012 04:56

Bom, eu sou o Antoniel. Como puderam perceber, acompanho a trajetória do Diego desde o início.

Poderia falar muitas coisas sobre esse cara, mas prefiro dizer apenas que é um grande apoiador do xadrez em nossa cidade (Canindé/CE) e, pelo trabalho que vem desempenhando, com certeza merece todos os elogios que se façam a ele.
Parabéns por divulgarem sua "história no xadrez".

Não poderia deixar de falar no Wellington dos Santos, "aquele amigo louco que todo mundo tem", pois se tivesse sua "trajetória no xadrez" aqui no site, todos ficariam abismados. Seria simplesmente a mais extraordinária, impressionante e inacreditável história que poderiam divulgar.

Fica a sugestão, mas creio que ele não iria concordar que escrevêssemos tudo que estou pensando agora. :D

Parabéns aos editores do site por sua colaboração no fortalecimento e democratização do xadrez pelo Brasil e obrigado por ajudar a divulgar o trabalho desenvolvido pelo CXC.

E não deixem de acompanhar nossa saga do "Chess crazy" em "clubexadrezcaninde.blogspot.com".

Um abraço.

12 de janeiro de 2012 02:06

Obrigado a vocês por nos mostrar tanta vontade em difundir o xadrez na região em que moram. Isso é muito importante! Parabéns!

Postar um comentário