Home » » O xadrez: mais que um jogo

O xadrez: mais que um jogo

Postado Por Paulo Henrique de Faria em 29 de dezembro de 2011 | 01:51

Como definir o Jogo de Xadrez? É apenas um jogo, um esporte, ou seria arte? Para alguns a discussão do que é o xadrez não descansa mais sobre essa tríade, e, sim o quão essencial, esse esporte, arte e ciência pode ser ao ajudar na educação e formação de crianças e jovens. 

Falar que o estudo do xadrez ensina conteúdos curriculares é uma grande falácia, mas afirmar que ele pode e ajuda a desenvolver habilidades que serão utilizadas em todos os aspectos da vida dentro e fora da escola isso é uma grande verdade. 


 Aspectos cognitivos como concentração, atenção, lógica, memória, disciplina do corpo e mente, confiança, capacidade de tomada de decisões e planejamento são verdadeiramente desenvolvidos por esse jogo conhecido como Jogos dos Reis e Ginástica da Inteligência.

Cabe a nós Educadores, Coordenadores e Gestores da Educação criar oportunidades e mecanismos que agreguem não só o xadrez, mas também outros jogos da mente no dia a dia escolar. Queremos formar sujeitos ativos, autônomos e capazes de planejar e refletir sobre a realidade que o cerca. 


Além disso, queremos formar verdadeiros cidadãos, capazes de prever suas atitudes e consequências para quem sabe alcançarmos algo melhor do que o já dado, e perpetualizado em nosso país e mundo. Certamente, o xadrez é muito mais que um jogo, é uma ferramenta capaz de fazer a diferença em muitos aspectos da vida daquele que o pratica. Pois o que podemos fazer de bom e útil à vida, que não começou a partir de um tempo de espera, reflexão, análise, escolhas e conclusão? Nada diferente do que fazemos ao pensar em um simples movimento de peça e execução de jogada. Portanto, avaliem se o espaço que cada um dos leitores tem para atuar, se podem ou devem incentivar a prática de um jogo que implantação e manutenção são tão baratas e os benefícios tão imensuráveis.


Esse texto meu foi publicado no blog do Economista e Pedagogo, meu amigo Fábio A. Visioli que é um grande palestrante e que trata de questões principalmente voltadas a vestibulares e profissões além de oferecer suporte para escolas da rede particular de ensino. Seu blog trata de temas atuais por isso a escolha do xadrez, bem como publicação de livros, reportagens da área de educação, bem como retratos de suas viagens e palestras. Confiram, vale a pena.
http://bemfalado.blogspot.com/2011/12/o-xadrez-mais-que-um-jogo.html


©Conteúdo protegido por direitos autorais. Texto produzido pela equipe Xadrez Batatais. Todos os direitos reservados.
Plágio é crime. Se deseja reproduzir essa postagem em seu blog/site, por favor entre em contato antes através do e-mail contato@xadrezbatatais.com

Todos os exercícios e materiais didáticos estão disponíveis gratuitamente em nosso site. No entanto, para manter nosso site, bem como desenvolver tais materiais, utilizamos diversos recursos próprios e financeiros. Assim, se apreciar nossos materiais e quiser nos ajudar, aceitamos doações de qualquer quantia para continuarmos nosso trabalho e desenvolver ainda mais materiais.



Compartilhe este artigo :

+ comentários + 1 comentários

18 de setembro de 2014 16:11

O que eu posso dizer é que o xadrez me salvou de uma grande crise de depressão, ja tinha aprendido os movimentos das peças no colégio e quando adulto e deprimido por uma serie de problemas pessoais, recorri ao xadrez para ajudar a passar o tempo pensando em alguma coisa, e para minha surpresa, debruçado sobre o tabuleiro, eu voltei a sorrir depois de meses de angustia, aprendi a anotar partidas e comprei alguns livros, e meu nivel realmente subiu bastante estudando, agora nao quero parar mais...

Postar um comentário