Home » » Minha História no Xadrez: Sérgio Silva

Minha História no Xadrez: Sérgio Silva

Postado Por Paulo Henrique de Faria em 29 de dezembro de 2011 | 09:06

O protagonista de hoje é Sérgio Maurício de Sousa Silva, companheiro de trabalho, de equipe em torneios e de iniciativas do xadrez dentro da cidade de Batatais. Acompanhem um pouco de sua história no xadrez: Comecei a jogar xadrez em 1992 na antiga FEBEM de Batatais com o professor Fernando Antônio Medeiros Camargo, meu pai trabalhava no local e nós morávamos lá.
No inicio eu jogava damas, mas ganhei um daqueles jogos da xalingo que vem muitos jogos e com a minha curiosidade fui perguntar ao professor o que era aquele jogo com cavalos,foi meu primeiro contato com o xadrez.
A partir de então presenciei e fiz parte de toda a evolução enxadrística de Batatais, pois no início éramos poucos jogadores e xadrez nas escolas era uma utopia. Para se ter uma idéia naquela época haviam 12 jogadores na cidade toda sendo apenas 4 menores de dezoito anos.
No ano de 1993 comecei a disputar campeonatos e já em 1995 conquistamos a 3ª colocação nos Jogos Regionais e assim a vaga nos Jogos Abertos. Foi quando pude conhecer professores renomados como o mestre Pelikian considerado por muitos como o melhor professor do país.
No mesmo torneio surgiu a idéia de implantar o xadrez nas escolas de Batatais e de oferecer aulas gratuitamente. Em 2001 acredito que foi o ponto auto da minha carreira não por títulos, mas por ajudar na criação do Projeto Xadrez nas Escolas Municipais de Batatais e por termos conseguido pela primeira vez na história uma sede para o nosso Clube de Xadrez.
Como jogador conquistei vários títulos como os Jogos Abertos, Jogos Regionais,o Mineiro de Jovens, enfim alguns torneios que estão disponíveis aqui no site, como professor treinei equipes que conquistaram muitas coisas por Batatais como Regionais, Jogos da Juventude,Paulista Feminino entre outros, além de treinar o Paraguai no mundial sub 15 em 2001 que ocorreu em nossa cidade.
Atualmente tenho 2100 pontos de rating Fide e represento o Clube de Xadrez de Batatais e a cidade, além de ser professor Coordenador do Projeto Xadrez nas Escolas aqui no município e professor de xadrez do Colégio São José de Batatais.
A dica que posso dar aqueles que querem progredir no xadrez é a seguinte estude muito e nunca perca a humildade pois sempre haverá algo a aprender.
Gostaria de agradecer ao meu amigo Paulo pela oportunidade de compartilhar um pouco da minha história.Um forte abraço a todos.

 O XadrezBatatais agradece o texto enviado pelo amigo Sérgio Silva, desejamos que sirva de incentivo para muitos que querem continuar a trabalhar na área e que almejam ganhar a vida com tal atividade. Basta ser zeloso, interessado e trabalhador para que assim motive outros a crescer. E que mais leitores continuem nos enviando suas experiências para serem compartilhadas  e incentivem outros.



Compartilhe este artigo :

Postar um comentário